(51) 3061-2129

A Razão Assessoria é composta por profissionais experientes, continuamente treinados, utilizando amplamente os mais novos recursos oferecidos pela informática.São mais de 16 anos de experiência e com conhecimento de quem presta serviços à vários segmentos de mercado. A informatização de nossos processos representa rapidez na emissão de relatórios e no controle.

Impostos, prazos, formas de pagamento, legislação trabalhista, fiscal... Estes dados estão sob constantes mudanças, devido a adaptações políticas e econômicas no município, estado e país. Informações atualizadas sobre estas questões são fundamentais para evitar futuros problemas, como multas. Deixá-lo informado é mais que uma obrigação da Razão Assessoria, é a sua bandeira e o seu diferencial.


Parcerias com assessorias Juridicas:


Trabalhista ; Civil; Revisionais ; Tributarias


Ultimas Noticias

Brasil vai à OMC contra tarifas chinesas à importação de açúcar


Itamaraty vai entrar com consulta nos próximos dias; exportação de adoçante brasileiro para o país caiu 90% depois de aplicação de taxas extras. China aplicou tarifa adicional de 45% sobre açúcar importado desde maio de 2017 Reprodução/EPTV O governo brasileiro vai recorrer à Organização Mundial do Comércio (OMC) nos próximos dias contra sobretaxas aplicadas pela China ao açúcar. O Ministério das Relações Exteriores informou ao G1 que já está preparando o documento para ingressar com consulta ao país asiático junto ao órgão, a pedido da Câmara de Comércio Exterior (Camex). A Camex acolheu no fim de agosto uma solictação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para questionar barreiras chinesas à importação de açúcar junto à OMC. O governo chinês aplica desde maio de 2017 uma tarifa adicional de 45% ao imposto de importação sobre o açúcar, totalizando um taxa final de 90% tanto para o produto bruto quanto para o refinado. Desde a implementação da medida, as exportações de açúcar brasileiro para a China caíram cerca de 90%, segundo o Mapa. O Brasil já foi o principal exportador de açúcar para a China, respondendo por mais de 60% de todo adoçante importado pelo país. Feito o pedido pelo Itamaraty, a China terá 10 dias para aceitá-lo e, depois, mais 60 para tentar chegar a um acordo com o Brasil. Caso o acordo não seja feito, o governo ganha o direito de abrir um painel na OMC. Leia Mais

Concurso da Saúde de João Pessoa faz 3ª convocação de aprovados


Candidatos aprovados têm o prazo de 30 dias para se apresentar. UPA Bancários, em João Pessoa Secom-JP/Divulgação O concurso público da Saúde de João Pessoa fez, nesta sexta-feira (21), a terceira convocação de aprovados, em edição especial do Semanário Oficial. Os convocados vão compor o quadro funcional da Unidade de Pronto Atendimento Especialidades Dr. Luiz Lindbergh Farias, a UPA-E Bancários. Confira a lista de convocados do concurso da Saúde Isadora Guedes, diretora de Gestão do Trabalho e Educação em Saúde (DGTES) da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) explica que os candidatos aprovados têm o prazo de 30 dias para se apresentar. ?É importante que os aprovados no concurso leiam o edital e se apresentem dentro do prazo estipulado com todos os documentos necessários?, afirma. A Secretaria Municipal de Saúde nomeou e está convocando nove médicos clínicos. Ainda na mesma publicação do Semanário, constam quais os exames necessários para realização da inspeção médica pré-admissional e documentos necessários para admissão. A Upa-E Bancários foi entregue no dia 27 de agosto e, esta semana, o Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB) notificou a unidade para apresentar uma escala médica de plantão completa. De acordo com o diretor do Departamento de Fiscalização do CRM-PB, João Alberto Pessoa, atualmente, a unidade funciona com um número de médicos por plantão inferior ao recomendado. Segundo o CRM-PB, a direção da UPA entregou a escala completa nesta sexta-feira (21), com um número de médicos suficiente para atender à demanda da unidade. No entanto, apenas o primeiro nome dos profissionais constava na lista. por isso, o conselho emitiu uma segunda notificação para que a unidade de saúde apresente uma escala com o nome completo dos médicos e o número do CRM de cada até a segunda-feira (24). Em caso de descumprimento, a UPA pode ser interditada eticamente. Segundo a Prefeitura de João Pessoa, a UPA Bancários conta com 72 médicos para atender aos usuários. Ao todo, são 310 servidores, entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, de laboratório e radiologia, bioquímicos, assistentes sociais, maqueiros e pessoal da área administrativa, entre outros. Leia Mais

Facebook deixa de fornecer suporte a campanhas políticas

Rede social não vai mais enviar funcionários aos escritórios de campanhas para ajudar em posicionamento de anúncios O Facebook informou na quinta-feira que não enviará mais funcionários aos escritórios de campanhas eleitorais para oferecer apoio durante eleições. A rede social fez isso em 2016, na corrida que elegeu Donald Trump como presidente dos Estados Unidos. Outros grandes vendedores de anúncios online, incluindo o Google e o Twitter, tem o costume de oferecer assistência para fortalecer o relacionamento com os principais anunciantes, como é o caso das campanhas presidenciais. Brad Parscale, que foi chefe de anúncios online de Trump em 2016, no ano passado considerou as "inserções" no site do Facebook cruciais para a vitória do candidato. O Facebook disse que a concorrente democrata Hillary Clinton recebeu ajuda idêntica, mas ela aceitou um nível diferente de Trump. O Google e o Twitter não responderam imediatamente aos pedidos para comentar se também iriam retirar o suporte. O Facebook disse que poderia oferecer assistência a mais candidatos em todo o mundo, concentrando-se em oferecer suporte por meio de um portal online, ao invés de fazer isso pessoalmente. A empresa disse que as organizações políticas ainda poderiam entrar em contato com os funcionários para receber treinamento básico sobre o uso do Facebook ou para obter ajuda na aprovação de anúncios. A Bloomberg relatou primeiro a nova abordagem. Facebook, Twitter e Google serviram como "consultores quase digitais" para campanhas eleitorais nos EUA em 2016, pesquisadores da Universidade da Carolina do Norte em Chapel Hill e da Universidade de Utah descobriram em um artigo publicado há um ano. As empresas ajudaram as campanhas a navegar pelos sistemas de anúncios de seus serviços e "ativamente" moldaram a comunicação da campanha, sugerindo que tipos de mensagens direcionar a quem, afirmaram os pesquisadores. O envolvimento do Facebook com a campanha de Trump atraiu o escrutínio dos legisladores dos EUA depois que a empresa descobriu que seus dados de usuários tinham sido usados ??separadamente pela empresa de dados políticos Cambridge Analytica, que assessorou a campanha Trump. Em um testemunho por escrito aos legisladores dos EUA em junho, o Facebook disse que seus funcionários não detectaram qualquer uso indevido "durante suas interações com a Cambridge Analytica" durante a eleição. Leia Mais

Brasil gerou em agosto 110,4 mil empregos com carteira assinada

Resultado do Caged foi divulgado pelo Ministério do Trabalho. Ao todo, neste ano, foram criadas 568,5 mil vagas formais. 'Isto é prova que o Brasil está no rumo certo', comentou Temer. O Ministério do Trabalho informou nesta sexta-feira (21) que o Brasil gerou em agosto 110.431 empregos com carteira assinada. Este é o melhor resultado para o mês nos últimos cinco anos. De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), ao todo, foram registradas 1,353 milhão de contratações e 1,242 milhão de demissões. No acumulado do ano, segundo o governo, foram criadas 568,5 mil vagas formais. Nesta quinta (20), o presidente Michel Temer já havia publicado uma mensagem no Twitter informando que o Brasil havia gerado mais de 100 mil vagas formais no mês passado. "Fui informado que o país criou mais de 100 mil empregos com carteira asinada em agosto. Isto é prova que o Brasil está no rumo certo. Em plena recuperação. #Caged", publicou o presidente. Em julho, segundo o governo federal, foram criados 47,3 mil empregos formais e em junho, foram fechadas 661 vagas. Setores Segundo o governo, em agosto, houve abertura de vagas em sete dos oito setores da economia. O setor de agropecuária foi o único em que houve mais demissões do que contratações. O maior número de empregos criados foi no setor de serviços. Veja abaixo: Serviços: + 66.256 Comércio: + 17.859 Indústria de transformação: + 15.764 Construção civil: + 11.800 Serviços industriais de utilidade pública: +1.240 Extrativa mineral: +467 Administração pública: + 394 Trabalho intermitente Segundo o Ministério do Trabalho, houve 5.987 admissões e 1.991 desligamentos na modalidade de trabalho intermitente em agosto deste ano. Com isso, houve um saldo positivo de 3.996 empregos no período. O trabalho intermitente ocorre esporadicamente, em dias alternados ou por algumas horas, e é remunerado por período trabalhado. Foram registradas ainda, no mês passado, 7.374 admissões em regime de trabalho parcial e 4.209 desligamentos, gerando saldo positivo de 3.165 empregos. Salário médio de admissão O Ministério do Trabalho também informou que o salário médio de admissão foi de R$ 1.541,53 em agosto, o que representa alta real de R$ 5,26 em relação a julho. Em relação a agosto do ano passado, no entanto, o salário de admissão caiu, registrando uma perda real de R$ 1,50. Em agosto, a diferença entre o salário médio de quem foi demitido e de quem foi contratado foi de R$ 159,27. Enquanto quem foi demitido tinha salário médio de R$ 1.700,80, o salário médio de quem foi contratado foi de R$ 1.541,53. Leia Mais

Indicadores

Acesso Rapido

Receita Federal SEFAZ-RS JUCERGS CAIXA Banco do Brasil
Razão Assessoria Contábil - Todos os Direitos Reservados
Criação de Sites em Porto Alegre